Doutor Adegesto Pacífico

Acabara de chegar à pequena cidade de Pau dos Ferros no interior do Rio Grande do Norte o Doutor Adegesto Jovino Pacífico, vindo de “Sun Paulo”; trazia apenas uma malinha pequena na mão e uma caneta prateada no bolso, símbolo da sabedoria e das letras.

Adegesto, filho de Deoclécio Pacífico, poeta de cordel que para tudo fazia poesia e Maria da Dores Pacífico, que era mãe de família, trazia um documento no bolso cuja foto muito falava de si: um sorriso comedido quase tímido, olhos bondosos que também pareciam sorrir, o pouco cabelo penteado para trás com brilhantina mostrando sua maneira metódica de ser, apenas o colarinho torto não estava em sintonia e significava que alguma coisa estava errada.

Foi um dia de festa na cidade de Pau dos Ferros, um verdadeiro rebuliço com a chegada do “dotô”

A humilde casa de Deoclécio ganhou status de casa pública com um ir e vir de toda gente para ver de perto alguém que sabia escrever além do próprio nome e   também entendia de curar doenças.

Todos comentavam que teriam que ir ao Doutor Adegesto porque tinham alguma enfermidade.

Dona Hemengarda, “ispinhela caída e dor nos quartos”. Seu Walcir, “fastio, gastura, queima no estombo e íngua”. O filho de dona Adalgamir, “antójo, cobreiro   e intalo”. Já a sogra de Anatalino, Dona Finófila tinha “caduquice, astrose e astrite”.

O filhinho de Deusarina, moça formosa para aquele fim de mundo, tinha nascido de “moleira mole e zôvo virado” causando grande preocupação nos seus pais. Abrilina a cozinheira da escolinha reclamava que de tanto carregar panelas tinha os “quartos arriados, mas também tinha unheiro, berruga e zóio nuviado”.

Dr Adegesto atendia a todos com paciência e dedicação tibetana: Receitava sem pena a “Maravilha Curativa do Dr Humpreys à base de Hamamelis Virginica, que curava de unha encravada à câncer; “ralados” e dores de cabeça “um santo remédio! .

Para a tosse: Vick Vaporub, Rhun Creosotado ou Gotas binelli. Fígado: Chophytol ; Cólica : o Elixir Paregórico ou Almeida Prado  46 , para gastura:  pastilhas de Magnésia Bisurada  Intestino preso:  Óleo de fígado de bacalhau , supositório de glicerina ou Leite de Magnésia Phillips. Para dor de cabeça: Cibalena. Para pancadas:  Dotozinho, Emplastro Sabiá ou Cataplasma de Antiphlogistyne, na garganta inflamada: Colubiasol, para os rins: Urodonal,  e fraqueza: o Vinho Reconstituinte Silva Araújo,

Todos ficavam curados só de falarem com Doutor Adegesto, ele transmitia uma paz e tinha um grande poder  de persuasão. Adegesto seria capaz de fazer andar um coxo apenas com uma ordem sua, tamanha a sua segurança e convicção

Mais tarde contam, que chegaram à cidade uns meninos de branco que falavam de “antibióticos” , gostavam de tirar o sangue do povo e tinha um negócio pendurado no pescoço que diziam ouvir o coração ….  “isso não poderia ser verdade” …

O povo  conta também que nunca viu nenhum diploma do Doutor  mas quem da cidade de Pau dos Ferros trocaria o santo Doutor Adegesto Jovino Pacífico por esses meninos que nada sabiam ? Absolutamente ninguém …

Por Dra. Rose Matuk

Você também pode gostar:

Mais postagens como esta…

Menu
Open chat