Cardiomiopatia Hipertrófica(CMH)

 

Prezados amigos da SOCERJ

 

O post desta semana fala sobre uma nova publicação sobre cardiomiopatia hipertrófica(CMH). Trata-se de um artigo de revisão abordando os diversos aspectos relacionados a utilização da ressonância magnética (RM) do coração nesta cardiopatia. Ainda que este não seja um assunto totalmente novo , já que o método já vem sendo aplicado na doença há algum tempo, o artigo atualiza tópicos que apontam para mudanças nas futuras diretrizes, especialmente no que diz respeito a estratificação do risco de morte súbita.  Outro tema interessante também revisado é o papel  da RM do coração em ajudar a estabelecer o diagnóstico diferencial entre CMH e outras doenças que podem levar a aumento da espessura ventricular, algumas mais comuns (como a cardiopatia hipertensiva)  e outras mais raras (fenocópias – Doença de Fabry, Danon) .

 

O link para o artigo, disponível na íntegra é https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC5248669/

 

Boa leitura

 

Marcelo Imbroinise Bittencourt

Presidente do Departamento de Insuficiência Cardíaca e Cardiomiopatias da SOCERJ – 2016 -2017

Deixe seu comentário

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

 
imagem

Cadastre-se na nossa newsletter e receba regularmente eventos, notícias, e artigos da Cardiologia. A inscrição é gratuita!

Os seus dados não serão transmitidos a terceiros